segunda-feira, 30 de novembro de 2009

sexual healing


*ben harper

Oh baby now let's get down tonight
Baby, I'm hot just like your oven
Well I need your lovin', and
Baby, I can't hold it much longer
No, it's getting stronger and stronger
And when I get this feeling
I need sexual healing
Sexual healing
It makes me feel so fine
It helps to relieve the mind
Sexual healing, is good for me
Sexual healing is something that is so very good for me
Whenever these blue tear drops are falling, oh no
And my emotional stability is leaving me
But there is something I can do
Oh I can get on the telephone and call you up baby
Darling I know you'll be there to relieve me
The love you give to me will free me
So if you don't know the things you're dealing
Well I can tell you darling, oh it's sexual healing
Get up, get up, get up, get up, let's make love tonight
Wake up, wake up, wake up, wake up 'cause you do it right
Heal me, my darling
Baby, you know I got sick this morning
Well a sea was storming up inside of me
Baby, I think I'm capsizing
All the waves are rising
And when I get this feeling
I want sexual healing
Sexual healing
It makes me feel so fine (it's such a rush)
It helps to relieve the mind (Lord it's good for us)
Sexual healing, is good for me
Sexual healing is something so so good for me
Oh it’s good for us
oh it's so good to me my baby
Just grab a hold
Come take control
Of my body and mind
Soon we'll be making love
Honey, oh we're feeling fine
You're my medicine
Open up and let me in
Oh Darling darling, you're so great
I can’t wait for you to operate
I can’t wait for you to
(Heal me, my darling)
Oh whenever these blue teardrops are falling,
You know I come calling
Heal me, my darling

terça-feira, 24 de novembro de 2009

tem coisas que só a bahia faz por você




















I gotta felling that tonight is gonna be a good night
That tonight is gonna be a good good night

Essa viagem da agência foi uma verdadeira viagem no tempo. Me senti com 15 anos de novo, uma época em que tudo é novidade e você está ali só para aproveitar a vida. Sem relógio, sem calendário, sem preocupações, sem internet, sem tv, isolado numa ilha, literalmente.
Lá o tempo não passava, era sempre dia. Sol, muito sol. Gente bonita, o sotaque gostoso do baiano, a paisagem divina, tudo ali parecia desenhado por Deus. Festa todos os dias, e todos os dias eu vi o sol raiar. Me joguei de roupa na piscina, perdi o juízo, a voz, a cabeça.
Dividir o quarto com as amigas, ouvir confissões, fofocar até não ter mais o que falar, rir, rir e rir. Sem mais nada pra fazer. Vou ter que registrar que essa viagem vai ficar pra sempre na minha memória como uma das melhores coisas que eu já fiz na vida.
Adorei!


* foto do nascer do sol do luau

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

neotrip 2


À noite embarco para Ilhéus, mais precisamente para Ilha de Comandatuba. É a viagem de final de ano da agência, com direito a baile de máscaras e luau com pé na areia.
Volto domingo.
Ah, e é all inclusive por conta da casa.
Adoro!

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

obrigada


Preciso registrar aqui que, embora eu não responda aos comentários, leio todos e alguns me emocionam demais. Adoro receber elogios [quem não gosta]. E sinto que as pessoas são tão sinceras que é como se eu já as conhecesse. Como se fôssemos amigos de anos e anos, tamanha a afinidade que encontram naquilo que escrevo.
Fico feliz e maravilhada de “encontrar” pessoas maravilhosas e de ser “encontrada” por elas.  Cada palavra gostosa que leio ou encontro aqui no blog abre um sol dentro de mim. Vira e mexe me pego sorrindo com tanta coisa boa que leio especialmente pra mim.
Algumas pessoas preferem me mandar emails, leio todos! Me sinto muito querida e por isso agradeço a todos que por aqui passam e comentam e aqueles que só passam. Eu adoro esse espaço, pra mim ele é muito importante, assim como cada um dos leitores.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

twilight


Eu sempre gostei de histórias vampirescas. Todo vampiro que se preze tem aquele negócio sedutor que atrai qualquer um, sendo ele bonito ou não. Não à toa que Drácula é um dos meus filmes preferidos [incluindo Gary Oldman no papel principal].
Entrevista com Vampiro popularizou tudo, afinal Brad Pitt, Tom Cruise e Christian Slater tudo junto, meodeos!! Aí eu sempre curtindo esse lance, virei fã de carteirinha da Buffy [série antiga da Fox]. E lá também tinha aquela velha história do amor impossível entre vampiros e seres humanos. Angel, o vampiro namoradinho de Buffy, ganhou uma série só dele e eu também logo virei fã.
Agora tem esse tal de Crepúsculo [e sua saga] que de repente virou febre e modinha entre adolescentes. Eu tenho pavor de coisas assim, garotas histéricas gritando ensandecidas, capas e mais capas de revistas com os atores principais, ui, isso me causa urticárias. Mas, como o tema é um dos que mais gosto, não agüentei e me rendi ao filme [mesmo com meu chefe dizendo que o livro é imensamente melhor].
Pois é. Filme morno, história morna, atores fraquinhos, enfim, típico filme de sessão da tarde. Aliás, não, sessão da tarde com o clássico e cult Garotos Perdidos é mil vezes melhor. Mas, confesso, embora a história não tenha me agradado muito, o final me deixou com gostinho de quero mais.
Então agora é esperar pelos próximos filmes e quem sabe um dia ler os livros. É que eu não gosto de ver o filme antes de ler o livro, mas enfim. Vamos ver no que essa saga vai dar e se eu vou me tornar fã dessa moda do momento.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

vambora


Hoje é um dia esquisito. O dia que eu não esperava e nem sonhava. Mas, quer saber, vou encarar o from now on como um novo desafio. Vou mostrar que nenhuma das pragas que ela me rogou em 2007 se concretizou. Vou provar que sou uma profissional melhor, mais competente, mais madura.
Quero deixar claro o quanto ela estava errada e o quanto ela pode se surpreender comigo. Felizmente [ou infelizmente] não sei por quanto tempo. Mas seja pelo tempo que for, quero que ela veja o quanto foi injusta comigo e quanto ela se enganou.
E essa nova perspectiva [e esperança] veio do Ri, claro. Ele que sempre me faz enxergar o lado bom de coisas ruins.
E que venha.

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

amor


*If love is great and there are no greater things, then what I feel for you must be the greatest.


terça-feira, 10 de novembro de 2009

when sky is gray


you´re my sunshine
my only sunshine
you make me happy
when sky is gray
you´ll never know dear
how much i love you
so please don´t take my sunshine away

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

sim, ela virá


Mais ou menos nesse mesmo período, só que do ano passado, enquanto eu estava de férias a diretora geral do departamento pediu demissão pra ser VP de mídia em outra agência. Aí, ficamos uns 3 meses sem nenhuma chefia direta. Cada grupo respondia pro seu diretor direto. É que aqui, como em muitas agências, tem muito cacique pra pouco índio.
Em fevereiro, chegou nosso novo diretor. Muitas pessoas torceram o nariz porque ele não tinha boa fama, diziam que ele era o cão, que era louco e etc. Eu achei ótimo, porque soube por fontes seguras que ele detestava puxa-sacos, então seria o fim de uma panelinha foda que tinha aqui. Além do que, sempre preferi chefes homens à mulheres, por motivos óbvios, bem óbvios.
Daí que semana passada, demitiram esse diretor. Até aí, apesar de eu ter ficado bem chocada, tudo bem. Afinal, de certa forma, ele também fez por merecer. Ele era um bom profissional até, gente do bem e tal, mas tinha muitas falhas. E nessa vida, ser bom e do bem, nem sempre é suficiente.
Aí que descobri, por fontes seguras também, que a pessoa que virá substituí-lo é a bruxa velha do oeste. Uma diretora que tive na Y&R e que já relatei aqui os problemas que tive com ela. Aliás, não só eu. Aqui na agência, mais 3 pessoas também tiveram.
Ela é a mesma que foi jurada de um prêmio que me inscrevi e que obviamente não ganhei. Ela mesmo ganhou, porque além de jurada, ela também concorria. É, coisas inexplicáveis, por isso eu a chamo de bruxa de blair. Não só por isso, mas porque ela é realmente uma pessoa do mal.
Meu diretor a chama de Sauron [já viu Senhor dos Anéis??], então, por aí você já pode ter uma idéia do que está por vir.
Tava bom demais pra ser verdade.

terça-feira, 3 de novembro de 2009

so fast


Minha geladeira já tem seu pingüim devidamente colado e a cozinha ganhou ares mais alegres desde então. Agora é impossível não sorrir logo ao entrar nela, visto que você dará de cara com ele, o pingüim.
Mais um final de semana corrido, desses que parece que não haverá tempo pra nada [e realmente não há]. Sábado já virou rotina, arrumar a prateleira da sala que o Ri inventou. Ainda não ficou pronta, mas acho que desse próximo sábado não passa.
Aí foi uma correria só. Ajeitar a casa, lavar roupa, ir à manicure, fazer supermercado, preparar quitutes pra receber amigos queridos em casa, recebê-los, ver as mil e tantas fotos do casamento, jogar conversa fora. Domingo, bem que tentei acordar cedo pra aproveitar a piscina, mas estava morta. Foi só o tempo de ajeitar a casa de novo, preparar novos quitutes e buscar outra amiga querida no metrô.
Ganhar flores, ver as mil e tantas fotos de novo, ver o clássico do Timão, jogar conversa fora e mais tardinha ainda dar uma passada na Tok & Stok pra comprar um vaso pras flores lindas que ganhamos.
Segunda, de novo tentei acordar cedo, mas não consigo. A cama é meu mal. Ri foi pro futebol e eu me esbaldei na cama. Depois foi só ajeitar novamente a casa e correr pro shopping pra comprar presente pro sogrão. Só que lá, no shopping, cometi algumas pequenas extravagâncias, como a nova melissa da Vivienne Westwood. Ri torceu o nariz, mas não pude evitar. E, à noite, fomos pro aniversário do sogro.
E foi isso.