terça-feira, 31 de janeiro de 2012

god save the queen


Parafraseando uma blogueira querida (Bibia), logo logo daremos adeus ao nosso ninho, rumo ao nosso novo castelo. Uma nova história será construída. Quando puder, conto mais detalhes. Por enquanto basta saber que a alegria mal cabe em mim e que estou muito ansiosa pra começar nosso reinado logo.
Dedinhos cruzados!
Amém!

Ps: não é nada de baby a caminho, aliás, isso está muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito longe (e bem difícil) de acontecer.


segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

todo dia ela faz tudo sempre igual


Dia desses fui fazer a unha num salão aqui perto da agência e sabe como é, papo com manicure não passa muito do que está acontecendo na novela, bbb e o clima do dia e então, eis que a manicure resolveu falar um pouco da vida dela.
Todo santo dia ela acordava às 6h, tomava banho, café e se arrumava porque umas 7 e pouco ela já tinha que estar no ônibus a caminho do salão. Começava a trabalhar às 9h e saia umas 18h30 e chegava em casa lá pelas 20h. Ia dormir sempre muito tarde, porque sabe-se lá não conseguia dormir cedo.
E que todo santo domingo ela acordava às 9h, limpava toda a casa, lavava roupa, ia almoçar na mãe, dormia um pouco a tarde e depois ia pra igreja. Assim. Palavras dela: sempre assim, sem mudar nada, nadinha.
E ela é nova, se bobear, mais nova até do que eu, e essa era a vida dela. Sério. Essas coisas que eu não entendo. Como a vida pode ser levada assim? Todo santo dia a mesma coisa? A minha vida que já não é sempre a mesma coisa eu já acho um saco e me questiono toda hora o que eu tô esperando pra tirar mais dela, aí vem alguém que vive assim.
Vive ou sobrevive? É feliz? Muito provavelmente. Mas assim, sem querer nada mais da vida? Que preguiça de viver assim. Vendo a vida passar, assistindo tudo, sem reação. Que merda.
E pensar que sei lá, zilhões de pessoas vivem assim. Felizes na mediocridade de uma vida sem emoção, sem novidade, de uma vida sem vida. Passando os dias por osmose.
E porque eu estava zapeando a tv e sem querer parei num trecho de um filme que não faço a menor idéia de qual seja, mas que dizia mais ou menos  assim:
- nossa, mas sempre que ando com você coloco minha vida em risco.
- mas meu amigo, arriscar-se é que é viver a vida.
Pois é minha gente, o primeiro mês do ano já se foi e tudo o que desejo para o mundo é isso: arriscar-se a viver sua vida.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

decepção


Com os ingressos na mão e contando os dias pra ver Florence + The Machine no tal do Summer Festival. E aí, no dia do show fiquei presa na agência com um job maldito e interminável.
Me liberaram quase 9 da noite. Pedi pra algumas amigas irem me informando sobre as atrações e tentei ir pra casa o mais rápido que pude.
Pois bem. Trânsito. Porque sair do Itaim depois das oito da noite é um inferno, é carro parado em todos os cantos, é gente parando em mão dupla, é algum maldito flanelinha segurando o trânsito pra alguém parar o carro. São os lerdos todos do mundo que cismam em andar na sua frente nesse dia, todos os semáforos programados pra fechar e deixar você lá, parado.
Enfim, cheguei ao show e tudo o que pude ouvir da Florence foi thank you Brazil, are you ready for Bruno Mars? Thank you, we love you.
Olhei pra cara do Ri e juro, engoli um choro muito nervoso. Não consegui achar nenhuma das minhas amigas, pra pelo menos rir de tudo, afinal, publicitárias como eu certamente saberiam me acalmar e me fazer rir de toda a situação.
Mas, eis que nem sinal de telefone funcionava naquele lugar. E aí anunciaram Seu Jorge e pra mim foi o fim. Não que eu não goste, eu gosto, mas porra, Seu Jorge eu posso ver quando eu quiser, e Florence? Oi? Quem inventou essa coisa de festival????
Não, sério, não dá. Fiquei puta da vida e acabei indo embora. Não vi mais nada, não queria falar com mais ninguém, eu era o puro ódio. Visualiza o ódio. Então, era eu.
Florence... perdi... putaquepariu!

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

resumindo o que temos pra hoje


Eu já esperava que 2012 fosse um grande ano, pelas pistas que andei lendo da astrologia, por ser um ano chinês de fartura e por achar que já era tempo de ter muita, muita coisa boa ao mesmo tempo na minha vida.
Alguns planos estão saindo do papel. Como muitos já sabem, tenho um plano b na manga que já venho colocando em prática desde 2010, assessorando casamentos. Tá, não tenho muitos no currículo, até hoje apenas 2, mas o começo é assim. E também não tenho pressa.
Domingo passei o dia todo trancada num hotel em curso de assessoria. Acho importante a gente saber tudo o que estiver ao alcance pra poder trabalhar com o sonho de alguém, e eu não sei fazer de outro jeito que não seja assim, perto do perfeito.
Decidi fazer uma mega festa de aniversário pra comemorar meus 30 anos. É só em outubro, mas o planejamento é a melhor fase de todas. O tema vai ser festa a fantasia. Adoro! Serão trintinha comemorados como se deve.
E estou sumida e sem tempo, pois aqui na agência (meu plano a), o ritmo tá acelerado. Concorrências, planejamentos e desafios pessoais que eu tenho certeza que me renderão muitas coisas boas ainda.
E uma mega surpresa que logo mais vou postar por aqui. Essa com certeza uma das melhores coisas que irá acontecer esse ano. (dedos cruzados)
And... faltam 94 dias pra minha viagem a Buenos Aires.

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

it´s hard to dance with the devil on your back, so shake him off

Conheci Florence + The Machine através de uma amiga que me mandou um link de um som que foi tipo o meu lema de 2011. Eu cantava, gritava the dog days are over todo santo dia, como um mantra, pra ver se realmente eu conseguiria por um fim aos dias de cão pelos quais estava passando. E funcionou.
Agora Shake it Out é meu novo mantra. Essa música fala sobre deixar velhas coisas pra trás, libertar-se e seguir em frente. Tirar o peso das costas pra poder continuar.
E dia 24 tem Florence do Summer Soul Festival e eu vou. Enquanto isso, espero que curtam o som. É muito bom!


sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

invente, tente, faça um 2012 diferente


Vi esse slogan em algum lugar de algum ano muito longínquo, não me lembro bem, mas ele só está fazendo sentido agora. Finalmente estou tentando – e o mais importante, conseguindo fazer coisas diferentes.
Apesar de detestar rotina, por outro lado, gosto dela. Na verdade, tenho dificuldade de tentar o novo. E então, prometi pra mim mesma que iria tentar coisas novas. Mesmo que pequenas, pra me libertar aos poucos das minhas raízes com a rotina.
Tentei um caminho diferente pra vir trabalhar dia desses. E depois testei um outro pra ir embora. Gostei tanto e foi tão bom que agora só faço ele. Mas de vez em quando, só pra não se tornar rotineiro, faço o caminho velho e reparo em todas as novidades que aparecem no caminho. Até um simples buraco no chão ou um ponto que mudou de lugar.
E também estou testando uma nova alimentação. Tá, essa parte confesso que foi por conta dos 7kg a mais que apareceram na balança, mas não custa tentar. Estou comendo tudo o que antes torcia o nariz e meu prato diariamente tem salada, verdura e legume agora.
Estou comendo mais peixes, experimentando condimentos que nunca havia testado e indo a restaurantes novos, pra conhecer como é.
Também estou tentando encarar antigos pontos de vista sob outra perspectiva. Isso ainda está sendo difícil, mas é tentando que a gente consegue alcançar boas mudanças. E assim será. Tomara que não só em 2012, mas em todos os próximos anos que vierem.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

sobre o que eu ando vendo


Vou confessar mais uma vez (o que não é segredo pra ninguém que me conhece): eu AMO BBB! Gente, eu estava contando os dias pra começar logo, eu adoro, assisto desde sempre, é tipo um vício. O programa é uma merda, é super inútil, mas eu adoro!
E outra coisa que eu também engatei na sequência do BBB, foi a minissérie Dercy de Verdade, sobre a vida de Dercy Gonçalves. Eu sempre gostei bastante dela, a achava irreverente, divertida, desbocada, mas não achava nada forçado, ela era autêntica. Estou me surpreendendo muito com a história da vida dela, a produção está fantástica (pra variar).
Fora isso, eu ando vendo Fina Estampa todo santo dia, porque eu adoro novela também. Assistia Tapas e Beijos porque Andréa Beltrão e Fernanda Torres são tudo de bom e sempre que dá eu vejo Chaves (dã, novidade).
Adoro zapear pelos canais de TV aberta, tenho muita vergonha da programação do SBT que cada vez tá pior (só Chaves se salva, sempre!), sinto saudades do Esquadrão da Moda, eu adorava as dicas do Arlindo. Coisa boa sempre sai do ar naquela emissora, é incrível.
Da TV paga eu quase não consigo ver nada. Bem queria acompanhar algumas séries, mas não consigo pela falta de tempo mesmo. Uso mais pra ver filmes (isso eu faço muito) e rever algumas séries clássicas que sou fã. Mas isso é raramente.
No mais, é só isso mesmo que ando vendo na boa e velha TV. O bom é que hoje tem mais novela, BBB e Dercy. Adoro! (ah, é claro, sinto falta do futebol, mas dia 22 tudo recomeça).
E vocês, gostam do que?

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

simples como deve ser


Às vezes me pego pensando se a vida pode ser mais simples do que parece. Porque eu, no caso, sempre fico me perguntando se estou no caminho certo e filosofando sobre tudo a toda hora. Sabe tipo a propaganda do Pão de Açúcar que te pergunta: o que faz você feliz?
Isso martela na minha cabeça e me coloca em dúvida sobre a tal da felicidade. Sim, eu sei o que me faz feliz: sorrisos espontâneos, cheiro de chuva, saúde, amor, cachorros, ter amigos por perto, viajar, enfim, coisas simples, mas e o resto? O resto todo do tempo?
Tá, já descobri que felicidade é um drops rápido e muito bom e que tomamos em doses diárias (às vezes). Mas a vida é isso? É acordar, tomar café, sair correndo pra chegar a tempo, ter dinheiro na conta pra pagar as contas, voltar pra casa, se preocupar com a janta, checar se a porta está trancada, dormir e começar tudo de novo?
Claro, eu e minhas filosofias malucas. Mas, aí hoje fiquei pensando nas histórias que ouço de que alguém teve um troço de repente e a vida mudou, os médicos não descobrem o motivo e aí o mundo acabou. Aí eu pensei: caramba, por que eu fico questionando tudo quando tudo pode ser mais simples sim?
Porque a gente dá valor quando perde e tal, então sei lá, vamos deixar as coisas mais leves sem tentar entender o motivo de tudo e sem procurar a felicidade em toda a esquina, né? Bom sei lá, porque a vida pode ser muito curta pra gente ficar perdendo tempo matutando tanto assim...
Não sei... mas acho que esse ano vou tentar essa leveza, quem sabe as respostas me venham mais naturalmente, não é mesmo?

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

começando com o pé direito


Hoje eu queria muito estar escrevendo aqui pra avisar que ganhei na mega da virada, mas infelizmente, apesar de ter acertado 3 números em cada jogo diferente que fiz, não foi dessa vez.
Mas, eu posso não ter ganho na loteria, porém tive muita sorte com as minhas caixinhas da beleza, lembram delas? Comentei por aqui em alguns posts anteriores. Pois bem, por enquanto tive a sorte de ter recebido 2 glossybox Beauty. É que eu tentei mudar o cartão de crédito e como não era possível, tive que cancelar a assinatura e fazer uma nova com o novo número de cobrança.
Acho que eles não tiveram tempo de ajustar no sistema e acabaram me enviando 2 caixinhas, então, por enquanto eu tive sorte porque vieram 2 conteúdos diferentes e porque ainda não me cobraram as duas. Por isso que eu digo por enquanto.
Vamos aos meus presentinhos surpresas do mês, começando pela glossybox Beauty 1:

















Essa foi a primeira que recebi (e que provavelmente estava dentro do meu perfil) e que fiquei muito feliz, feliz mesmo, considerei todos os itens como um presentinho do Papai Noel (literalmente).
Nessa caixinha só veio produtos da Natura (adoro!): um hidratante da linha “tododia” de frutas vermelhas (300ml), um óleo de banho da linha “sève” de rosas champanhe (100ml), um perfume “humor” (100ml), um batom da linha “faces” cor coral festa e um lápis de olho também da linha “faces” na cor preta.

Aí chegou a outra glossy Beauty, a que eu apelidei de 2:


















Adorei também tudo o que veio: condicionador intenso da Dove (180ml), uma amostra de shampoo e condicionador Dove (40ml), um hidratante “corpo a corpo” de maçã da Davene (200ml), um quarteto de sombra da Elke e 2 amostras do protetor solar Sundown Senses fator 30 (8ml cada).

E então a glossy Premium pra fechar tudo com chave de ouro:



















Sabonete facial “deep clean” da Neutrogena (80g), um hidratante profundo para cabelos da linha “inner restore” da Senscience (50ml), hidratante corporal de verbena da L´Occitane (30ml), um creme para as mãos Rose também da L´Occitane (10ml) e uma amostra do perfume Beauty da Calvin Klein (2ml).
Muito bom, não? O melhor é que muita coisa veio em tamanho natural, morri de alegria.
Então desejo um 2012 de muita sorte para todos nós!!!